A #Rede agora faz parte do PSB?

Não. A #Rede não está subordinada ao PSB. Ao se coligar, por meio da filiação democrática de alguns de seus membros, a #Rede se afirma como partido autônomo, em uma relação que valoriza visões em comum, programáticas, e na qual as identidades de cada partido serão preservadas.

Como foi construída a coligação da Rede Sustentabilidade com o PSB?

O objetivo central da aliança entre a #Rede e o PSB é aprofundar a democracia e construir as bases para um ciclo duradouro de desenvolvimento sustentável, os dois pilares da verdadeira soberania nacional. Essa união será construída a partir de uma base programática e da busca de uma nova política.

Sabemos que não será fácil e há muitas incertezas envolvidas que só serão superadas com a participação efetiva da militância da Rede. Mas sabemos também que o PSB é a força política que mais oferece condições para, junto com a REDE, oferecer uma resistência aos retrocessos na democracia, na cidadania, na economia e no meio ambiente.

Em conjunto, vamos construir um programa comum, que atenda as nossas principais demandas: aprofundamento da democracia; manutenção dos avanços sociais e econômicos dos últimos anos e a sustentabilidade no eixo da agenda estratégica de desenvolvimento. A convergência programática entre a #Rede e o PSB será desdobrada num calendário que leve a discussão à sociedade, que precisa ser a real balizadora do processo.

As coligações estaduais seguirão a coligação nacional?

Tentaremos manter as coligações estaduais dos dois partidos. É esperado que ocorram entretanto circunstâncias locais onde esta aliança se demonstrará inviável. Nestes casos a Rede adotará um posicionamento independente, apoiando a coligação nacional, mas realizando a tática eleitoral que for adequada ao nosso programa, valores e princípios.

O que é a Filiação democrática?

A filiação democrática e transitória é uma tradição brasileira nas situações em que correntes políticas são impedidas de se organizar formalmente e de participar com sua própria legenda dos processos políticos e eleitorais.

A coligação programática entre a #Rede e o PSB se dá nacionalmente, com a possibilidade de filiações democráticas e transitórias para a disputa eleitoral de 2014, preservando a identidade dos dois partidos. Onde cada um respeita a sua personalidade própria e se dispõe a um diálogo para um objetivo comum. Temos a plena convicção que somos um partido, pois temos um programa e base de representação social, nos constituímos em um processo que visa aprofundar a discussão pelo desenvolvimento sustentável e democratização da democracia.

Como fica a Rede? Ou qual o futuro da Rede Sustentabilidade?

A Rede mantém seu firme propósito de superar velhos hábitos e vícios da política brasileira e fortalecer seus princípios e valores. Sua militância e suas lideranças continuarão comprometidos com o objetivo de constituição e organização do partido e Marina Silva continua sendo representante e porta-voz da Rede, mesmo tendo se filiado ao PSB.

Vamos retomar as coletas de assinaturas e nos preparar para o momento da legalização, organizando nossos diretórios, coletivos e núcleos nos estados, aprofundando as discussões do programa do partido e levando nossa mensagem em todo o País.

Quais são as ações da Rede daqui para frente?

Como somos um partido de fato, vamos iniciar o processo de filiação à Rede, mesmo não tendo o registro do TSE. É uma filiação de caráter político, mas com todas as prerrogativas, direitos e deveres previstos no Estatuto. Vamos realizar encontros estaduais e regionais, constituir Diretórios nos 27 Estados e em inúmeros Municípios.

Além disso, a Rede Sustentabilidade tem uma contribuição singular para Democratizar a Democracia e para construir o Desenvolvimento Sustentável. Por isso, vamos discutir o Programa de Governo e fortalecer a Coligação Democrática com o PSB e procurar participar ativamente das próximas eleições.

Envie sua sugestão para a #Rede, reporte um problema ou deixe um elogio

Votação da PEC que afeta indígenas deve ser arquivada

Rede Sustentabilidade

19 de dezembro de 2014

A PEC 215 (Proposta de Emenda à Constituição), projeto que pretende transferir do governo federal para o Congresso a prerrogativa de delimitar terras indígenas, unidades de conservação e territórios quilombolas, deve ser arquivada. Na última quarta-feira (17) a votação foi cancelada por falta de luz e até o momento, a comissão especial formada para analisar […]

Rede apoia retomada das relações diplomáticas entre Cuba e Estados Unidos

Rede Sustentabilidade

18 de dezembro de 2014

A Rede Sustentabilidade comemora a decisão dos governos americano e cubano de retomar as relações diplomáticas, além das demais medidas que visam a redução de restrições na relação entre os dois países. Não há mais espaço para polarizações que não contribuem para o aprofundamento da democracia e da solidariedade entre os povos. Consideramos que esse gesto histórico cria condições […]

Rede comandará as secretarias do Meio Ambiente de Pernambuco e Distrito Federal

Rede Sustentabilidade

17 de dezembro de 2014

A Rede Sustentabilidade estará à frente das secretarias do Meio Ambiente dos estados de Pernambuco e do Distrito Federal a partir do próximo ano, quando começam os novos mandatos dos governadores. A presença do partido nos dois governos estaduais faz parte da decisão tomada durante a reunião do Elo Nacional, realizada nos dias 13 e […]

Marina Silva é eleita uma das mulheres do ano pelo jornal inglês “Financial Times”

Rede Sustentabilidade

16 de dezembro de 2014

O jornal inglês “Financial Times” elegeu a ex-senadora e candidata à Presidência da República Marina Silva como uma das “mulheres do ano” em 2014.  A revista destaca o trabalho e a trajetória de mulheres que deixaram sua marca neste ano como líderes e ativistas. A lista destaca assim a história de uma das líderes da Rede Sustentabilidade: “da pobreza e […]

COP20 em Lima: um passo tímido, mas para frente e na direção correta

Por Tasso Azevedo

16 de dezembro de 2014

Já era madrugada do último domingo (14) quando a Conferência das Partes da Convenção de Mudanças Climáticas da ONU (COP20), em Lima, programada para terminar dois dias antes, chegou ao final com aprovação do acordo intitulado “Lima Call for Clima Action (LCCA)”. O documento é positivo, certamente um passo a frente e na direção correta, mas também um passo […]

Membros do Elo Nacional da Rede se reúnem e definem os rumos do partido

Rede Sustentabilidade

15 de dezembro de 2014

Os membros do Elo Nacional da Rede Sustentabilidade se reuniram no último final de semana, em Brasília (DF), para definir os rumos do partido. Foram debatidos o calendário político de 2015, a estratégia para conseguir o registro da Rede junto ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral), a avaliação da conjuntura política, o balanço do processo eleitoral […]

Ruralistas tentam aprovar PEC que altera marcação de terras indígenas

Rede Sustentabilidade

11 de dezembro de 2014

Ruralistas, liderados pelo PMDB, tentaram aprovar ontem a PEC (Proposta de Emenda Constitucional ) 215, que pretende retirar do Executivo a função de delimitar terras indígenas, transferindo essa função para o Congresso Nacional. Os indígenas são contra essa medida e estão mobilizados para impedir sua aprovação. A Rede se opõe a mutilação da Constituição Cidadã de 1988 […]

Rede repudia manifestações do deputado Jair Bolsonaro

Rede Sustentabilidade

10 de dezembro de 2014

A Rede Sustentabilidade repudia a manifestação do deputado federal Jair Bolsonaro (PP/RJ), ontem (9) no Congresso. Usar um espaço público de representação da sociedade para sugerir que há mulheres que merecem ser estupradas, ou não, é abominável. Essa atitude de total desrespeito à todas as mulheres precisa ser rechaçada imediatamente pela sociedade e pelos poderes […]

Marina Silva participa de evento sobre democracia e sustentabilidade em São Paulo

Rede Sustentabilidade

10 de dezembro de 2014

A ex-senadora Marina Silva (PSB), uma das lideranças da Rede Sustentabilidade, irá participar do lançamento da “Plataforma Brasil Democrático e Sustentável”, nesta sexta-feira (12), às 9h30, em São Paulo. Serão apresentadas 15 propostas atualizadas de prioridade máxima eleitas pelo IDS (Instituto Democracia e Sustentabilidade) durante o evento, com diretrizes e sugestões de políticas públicas para o desenvolvimento […]

Afinal, qual é o papel das novas tecnologias na melhoria da educação?

Por Neca Setubal

9 de dezembro de 2014

Tema controverso, as pesquisas ainda não são conclusivas em relação ao impacto das tecnologias na melhoria da qualidade da educação. A complexidade do tema está no fato de que nada muda se introduzirmos um computador por aluno se a metodologia continuar a mesma. Ou seja, apenas substitui-se o caderno pelo computador. Muitas vezes, atribui- se […]