govrede

REDE lança plataforma inovadora de boas práticas legislativas

#Rede 12 de dezembro de 2017

Durante a reunião do Elo Nacional, no dia 03 de dezembro, foi lançada a plataforma Governo em REDE. A ferramenta reúne espaços de colaboração e de boas práticas legislativas para que seja possível o intercâmbio de projetos e ideias entre os mandatos do partido, potencializando a ação de cada parlamentar e gestor da REDE.

O objetivo é que os parlamentares possam disponibilizar as suas propostas legislativas e também consultar outros projetos no Banco de Propostas, podendo adaptar e aplicar as boas iniciativas em sua cidade ou estado. Uma curadoria feita pelo partido escolherá mensalmente um projeto para ser replicado nos municípios onde a REDE tem atuação.

Já no espaço de Co-Criação, qualquer cidadão, filiado ou não à REDE, pode sugerir ideias de projetos de lei e colaborar com propostas já feitas. Os melhores projetos avaliados pela assessoria técnica da Liderança da REDE na Câmara serão apresentados pela nossa bancada no Congresso Nacional.

Um dos criadores da plataforma e coordenador de Ação Institucionais e Políticas Públicas da REDE, Lucas Brandão, explica que promover os processos colaborativos é valorizar o que já está sendo feito de forma inovadora. “Com o Banco de Boas Práticas, queremos mostrar que existem sim alternativas positivas dentro da política e que existem pessoas trabalhando para resolver os problemas locais, regionais e nacionais”, disse.

Outro idealizador do Governo em REDE, Giovanni Mockus, destaca que a plataforma faz parte de um esforço em criar novas formas de se fazer política. “Temos hoje um universo de 218 mandatários da REDE espalhados por todo Brasil, fazendo a nova política a partir de seus projetos. Agora, com essa nova plataforma, esses projetos podem ser replicados e impactar dezenas de cidades”.

Desde seu lançamento, o Banco de Boas Práticas já conta com 17 propostas cadastradas, como a PEC das Candidaturas Avulsas, a regulamentação da presença de doulas no parto, a implantação de ecopontos, a transparência da lista de espera da Saúde, o IPTU Verde e a criação de um Programa de Integridade nas empresas com contratos do Setor Público.

Leia aqui sobre como usar a plataforma Governo em REDE para espaço de produção e intercâmbio de conteúdos entre os governos.