site-marina2

Marina defende fim do foro privilegiado para todos e prisão em 2ª instância

#Rede 3 de maio de 2018

A pré-candidata da REDE à presidência, Marina Silva, comentou a importância, mas insuficiência do resultado do julgamento no STF (Supremo Tribunal Federal), que restringiu o foro privilegiado para apenas deputados federais e senadores, em crimes praticados antes do mandato.

Marina chamou a atenção para que o fim do foro privilegiado alcance todos os políticos e autoridades públicas. “A restrição do foro privilegiado, decidida hoje pelo STF, é um passo importante, mas ainda insuficiente para o fim da impunidade. É fundamental acabar com esse privilégio para todos os políticos e autoridades públicas, além de combiná-lo com a prisão em 2ª instância. Devemos persistir no combate à desigualdade que se manifesta danosamente de diferentes maneiras no nosso país. Todos devem ser iguais perante a lei”, afirma.